TJPE AFASTA PREFEITO DE SÃO LOURENÇO DA MATA POR SUSPEITA DE DESVIO DE BENS PÚBLICOS

TJPE afasta prefeito de São Lourenço por suspeita de desvio de bens públicos. Foto: Reprodução/ Facebook
O Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) determinou o afastamento imediato do prefeito de São Lourenço da Mata, Bruno Pereira. O político foi afastado de suas funções públicas por suspeita de desvio de bens e rendas públicas da prefeitura. Outros servidores municipais também estão sendo afastados. A medida cautelar, assinada pelo desembargador Odilon de Oliveira Neto, impede que o prefeito e os servidores tenham acesso ao prédio da prefeitura já a partir de hoje, além da suspensão do mandato.

A Polícia Civil de Pernambuco deflagrou, na manhã desta terça-feira, uma operação para investigar o grupo suspeito de desvio de bens e recursos públicos na prefeitura, localizada na Região Metropolitana do Recife. (RMR) A ‘Operação Tupinambá’, como foi batizada, tem o objetivo de afastar das funções o atual prefeito da cidade, Bruno Pereira e também cumpre 14 mandados de busca e apreensão domiciliar nas cidades do Recife, São Lourenço, Camaragibe, também na Região Metropolitana, além de Caruaru e Bezerros, no Agreste de Pernambuco. Esta manhã, o prédio da prefeitura permanece fechado. Além da sede da administração pública, há mandados sendo cumpridos na cidade na sede da Secretaria da Fazenda, em outros prédios públicos e residências. O desfile cívico, que estava marcado para esta terça-feira, foi adiado. O clima entre moradores é de suspense.

O caso vem sendo investigado pela Delegacia de Crimes Contra a Administração e Serviços Públicos, coordenada pela delegada Patrícia Domingos e com suporte do Ministério Público de Pernambuco (MPPE) e do Tribunal de Contas de Pernambuco (TCE). Participam dos trabalhos operacionais, cento e dez policiais civis, entre delegados, agentes e escrivães, além de auditores do TCE.

O material apreendido está sendo encaminhado para a sede do Grupo de Operações Especiais (GOE), no bairro do Cordeiro, no Recife. Os detalhes da operação serão apresentados durante uma entrevista coletiva, pelo chefe da Polícia Civil em Pernambuco, Joselito Kehrle do Amaral, na sede operacional da Polícia Civil, no bairro da Boa Vista.