EM ABREU E LIMA, PREFEITURA E MORADORES SE UNEM PARA DIZER “NÃO”, À CONSTRUÇÃO DE PRESÍDIO DE SEGURANÇA MÁXIMA

Representantes do Governo Municipal em Abreu e Lima, lideranças comunitárias e um grupo de moradores do bairro de Caetés II participaram na manhã desta terça (21), de uma reunião na sede do Ministério Público, centro da cidade. O objetivo foi se posicionar contra a construção de um presídio de 
Segurança Máxima no município, feito pelo estado.

Representantes do Governo Estadual também participaram do encontro, na expectativa de convencerem a todos, sobre a construção da nova unidade prisional, próxima ao Cotel, que abrigaria mais 533 presos.
Na semana passada, o prefeito Marcos José antecipou-se à reunião, e disse que, não assinou nem vai assinar a carta de anuência para a construção de um novo presídio, no bairro de Caetés II. Ele argumenta que a população não quer esse tipo de investimento, porque, na prática, vai contribuir para gerar imagem negativa da cidade.


Fonte Facebook da Prefeitura Municipal de Abreu e Lima