PROFESSORES DA REDE ESTADUAL ENCERRAM GREVE

Em Assembleia Geral realizada na tarde desta segunda-feira (04), no Centro de Convenções, em Olinda, os professores da rede estadual de ensino decidiram suspender a paralisação deflagrada no último dia 10 de abril, mas mantiveram o estado de greve. Os educadores voltam às salas de aula a partir desta terça-feira (05). Na próxima sexta-feira (07), está marcada uma nova reunião com a Secretaria de Educação para a reposição das aulas perdidas.
As discussões sobre questões financeiras devem ocorrer no dia 15 de maio. Os educadores são contra o reajuste salarial de 13,01% apenas para os profissionais da base da carreira. Outra assembleia será realizada no dia 21 deste mês.
Nas falas e discursos proferidos no encontro, a direção do Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco (Sintepe) destacou as negociações feitas durante reunião dos representantes do Sindicato com o secretário de Administração, Milton Coelho, realizada na última sexta-feira (1º). Um dos acertos, segundo a categoria, foi que os grevistas terão de volta tudo o que foi descontado nos dias de greve. A administração estadual sugeriu, a princípio, o cancelamento das medidas preventivas e da multa diária, que saltou de R$ 30 mil para R$ 80 mil.
Balanço
Nesta segunda-feira, 63% (658) das escolas não tiveram as atividades paralisadas, enquanto 33% (342 unidades) foram afetadas parcialmente pela greve. Outras 45 (4%) aderiram totalmente ao movimento.
Fonte Folha PE