APROVADO AUMENTO DE 12,93% NA TARIFA DE ÔNIBUS DA REGIÃO METROPOLITANA DO RECIFE

Anel A passa de R$ 2,15 para R$ 2,45. Já o Anel G de R$ 1,40 para R$ 1,60


Reajuste foi aprovado durante reunião nesta sexta
Foi aprovado o aumento de 12,93% nas tarifas de ônibus da Região Metropolitana do Recife, na manhã desta sexta-feira (9), durante uma reunião do Conselho Superior de Transporte Metropolitano, no Centro de Convenções de Pernambuco, em Olinda. O reajuste é válido para o Anel A, que subirá de R$ 2,15 para R$ 2,45, para o Anel G, que passa de R$ 1,40 para R$ 1,60 e para todas as linhas especiais, como Aeroporto (Opcional) e Candeias (Opcional). Já os anéis B e D continuam R$ 3,35 e R$ 2,65, respectivamente (ver quadro abaixo). O reajuste será válido a partir da 0h deste domingo (11).Os valores foram homologados pela Agência de Regulação de Pernambuco (Arpe).
Inicialmente, com o reajuste que equivale à variação do Índice de Preço ao Consumidor Amplo (IPCA/IBGE), o aumento da tarifa divulgado ficaria em R$ 2,42 (para o Anel A) e R$ 1,58 (para o anel G). Porém, para facilitar o troco, o Grande Recife Consórcio de Transportes afirmou que o reajuste será arredondado, aumentando em torno de três centavos a passagem no Anel A e dois centavos no Anel B. O reajuste, que seria de 12,93%, acabou ficando, após este arredondamento, em aproximadamente 14%. Fazendo a média entre todos os anéis que cortam a Região Metropolitana, o reajuste fica em 10,26%.
A reunião teve a participação de representantes do Grande Recife Consórcio de Transporte, Governo de Pernambuco, Urbana-PE e Frente de Luta Pelo Transporte Público do Estado. Durante o encontro, também ficou decidido que 310 mil estudantes que fazem parte da rede estadual de ensino, do Programa Universidade para Todos (ProUni) e cotistas terão direito ao Passe Livre Estudantil. O benefício, que consiste na gratuidade de passagens, será aplicado até o início das aulas do segundo semestre letivo de 2015.
Na ocasião, o Consórcio também anunciou na reunião que fará uma pesquisa de Origem/Destino, que não é realizada desde 1997, e permitirá o planejamento futuro do sistema de transporte. Na reunião, também ficou estabelecido que o processo de modernização da frota será acelerado com a aquisição de 400 ônibus novos em 2015, sendo que 200 deles devem estar em operação até o final de março.
Manifestantes caminharam pelo Centro do Recife
Manifestação
Cerca de 50 representantes de movimentos sociais, classe estudantil e do sindicato dos rodoviários realizaram um protesto contra o aumento das passagens de ônibus, na manhã desta sexta. Por conta do reajuste, eles fizeram uma caminhada da sede do Grande Recife Consórcio de Transportes, no bairro de São José, na área Central do Recife, até a Secretaria das Cidades, localizada na rua Gervásio Pires, no bairro da Boa Vista, também na área Central.

Durante o percurso, os manifestantes realizaram vários bloqueios, como no Cais de Santa Rita, onde impediram a passagem dos ônibus por alguns minutos. Os manifestantes também fecharam o trânsito na rua Gervásio Pires. Por conta disso, os motoristas que passaram pelo bairro da Boa Vista e por outros bairros da área Central tiveram muita dor de cabeça durante a manhã. Por volta do meio-dia, o trânsito foi normalizado.
    Os manifestantes se concentraram, logo cedo, em frente a sede do Grande Recife. No local, eles aguardaram o resultado da reunião, que decidiu o aumento das passagens de ônibus. Por conta do reajuste, eles iniciaram a caminhada. No final da manhã, uma comissão formada por dez membros foi recebida por um representante da secretaria para debater o reajuste. O encontro durou pouco mais de uma hora e ficou agendada uma nova reunião na quarta-feira (14) com o secretário das Cidades, André de Paula. Homens da Polícia Militar e da Companhia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU) acompanharam a manifestação.




    Fonte Folha PE