SEM AMPLIAR NÚMERO DE VAGAS, UPE REALIZA ÚLTIMO VESTIBULAR TRADICIONAL

São 3.460 vagas em 53 cursos de graduação; há 11 campi no estado.
Sistema seriado vai ser mantido; redação do Enem passa a ser usada.


Reitor diz que expansão da UPE só se dará quando campis
e cursos atuais estiverem completamente consolidados
(Foto: Katherine Coutinho / G1)
A Universidade de Pernambuco (UPE) divulgou, nesta quarta-feira (25), os detalhes do processo de ingresso 2015. Assim como na última edição, serão ofertadas 3.460 vagas em 53 cursos de graduação, divididos entre os campi Região Metropolitana, Mata Norte, Mata Sul, Agreste e Sertão. Destas, 2.074 vagas serão ocupadas por alunos que prestarem o vestibular tradicional, enquanto as outras 1.386 por alunos advindos do Sistema Seriado de Avaliação (SSA). As inscrições para o vestibular tradicional devem ser feitas já a partir da próxima segunda (30), exclusivamente neste site.
Como anunciado anteriormente, este será o último ano em que a UPE adota o vestibular tradicional como processo de ingresso. A partir do próximo ano, a seleção se dará através do SSA e do Sistema Unificado de Seleção (Sisu), formado pela nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).
Uma das novidades deste ano é uma modificação no curso de Letras ofertado em Petrolina. “Antes tínhamos Letras em Português e Letras em Inglês. Com a mudança, vamos ter agora o curso de Letras Português-Inglês e Letras Português-Espanhol, sendo 50 vagas para cada modalidade”, explica o reitor da UPE, Carlos Calado.
Os demais cursos permanecem os mesmos em cada campi. A cota social, de 20% do total de vagas, também está mantida, sendo destinada a estudantes que tenham cursado a segunda parte do ensino fundamental e o ensino médio única e exclusivamente em escolas públicas municipais ou estaduais – os estudantes oriundos de escolas federais não são incluídos nas cotas.
“Estamos lutando para consolidar os campi que já abrimos. Por isso, neste ano não temos novas vagas ou cursos. Se não conseguimos atender todas as necessidades [que já existem], não temos como justificar aumentar o processo de expansão”, detalha o reitor.
Vestibular
A primeira fase do vestibular tradicional vai ser através da nota do Enem, mas, ao contrário do que aconteceu ano passado, a redação do Enem passará a integrar a nota do candidato – a segunda fase, porém, conta ainda com provas específicas, de acordo com o curso escolhido no ato de inscrição.
As inscrições para o vestibular tradicional devem ser feitas entre os dias 30 de junho e 31 de julho,exclusivamente pela internet, com CPF próprio do candidato e também um e-mail válido. A taxa é de R$ 110. “Para os candidatos que pretendem pedir isenção, devem solicitar na primeira semana de inscrição, do dia 30 de junho a 4 de julho. São alunos que têm de ter o Número de Inscrição Social (NIS)”, alerta o presidente da Comissão de Vestibular, Ernane Martins.
As provas do vestibular tradicional vão ser aplicadas nos dias 7 e 8 de dezembro. Nos dois dias, os alunos terão 4 horas e meia para resolver os testes. No primeiro dia, serão 40 questões, divididas entre português e uma disciplina específica. No segundo, o número de questões é o mesmo, dividido entre outras duas disciplinas específicas, totalizando quatro provas. A previsão é que o resultado seja divulgado até o dia 30 de janeiro.
Sistema Seriado de Avaliação
As inscrições para as três etapas do SSA vão estar abertas entre 14 de julho e 15 de agosto, sendo feita também somente pela internet. A taxa custa R$ 85. O pedido de isenção deve ser feito entre os dias 14 e 18 de julho. As provas do SSA 1 e do SSA 2 vão ser aplicadas nos dias 30 de dezembro e 1º de dezembro, sendo as do primeiro ciclo na parte da manhã e as do segundo, no horário da tarde. O SSA3 vai ser aplicado nos dias 16 e 17 de novembro, na parte da manhã.
No primeiro dia, os candidatos do SSA 1 e 2 vão responder a 44 questões distribuídas entre as disciplinas de português, matemática, física, língua estrangeira (inglês ou espanhol) e filosofia, enquanto no segundo dia serão 46 questões divididas entre biologia, química, história, geografia e sociologia.
A terceira fase do SSA vai constar, em seu primeiro dia, de redação e 42 questões distribuídas entre português, matemática, língua estrangeira (inglês ou espanhol) e filosofia. No segundo dia, serão 58 questões entre as disciplinas de biologia, química, física, história, geografia e sociologia.
Fonte: G1 PE