ABREU E LIMA TERÁ CASAS BAHIA

Foi inaugurada, na última terça-feira (10), a sétima unidade das Casas Bahia em Pernambuco. Desta vez, a rede foi instalada na nova etapa do Shopping Tacaruna. Com um investimento de RS 2,3 milhões somente na estrutura física, a loja tem 1.300 metros quadrados e são esperados cerca de 50 mil clientes por mês. A princípio, foram disponibilizados mais de 10 mil itens. De acordo com o presidente do grupo Via Varejo - que coordena a Casas Bahia e Ponto Frio -, Líbano Barroso, nos próximos três anos, a intenção é inaugurar mais 40 unidades da loja no Estado.
“Proporcionalmente, estamos crescendo mais no Nordeste do que em todo o Brasil”, comentou Barroso, acrescentando que essa é a 67ª loja da região. “Também já temos unidades no Interior do Estado, em Garanhuns e em Petrolina”, disse. Além dessas, o fundador das Casas Bahia, Michael Klein adiantou que, em agosto, uma nova unidade será inaugurada em Abreu e Lima. Um dos grandes desafios, segundo o diretor regional das Casas Bahia, Sergio Grossi, é encontrar profissionais qualificados. “O desafio foi trazer um padrão de mão de obra que pudesse justificar o slogan da rede (dedicação total a você)”, explicou. Por causa disso, afirmou Grossi, todos os funcionários passam por um treinamento antes de a loja ser inaugurada. Cerca de 450 colaboradores realizaram, aqui em Pernambuco, o treinamento para os 31 novos atendentes da loja do Tacaruna.
Apesar das Casas Bahia ter conseguido penetrar nas classes A e B “de modo saudável”, a classe C, segundo Sergio Grossi, ainda é a maior consumidora no Nordeste. Grossi revela que a região já possui o terceiro maior tíquete médio de consumo por cliente, no entanto o executivo preferiu não revelar o valor. “É uma surpresa para nós, mas, cada vez mais, os consumidores estão buscando adquirir produtos mais sofisticados, como máquinas de lavar de alto desempenho ou televisores acima de 50 polegadas”, afirmou.
Silvana Alves dos Santos foi a primeira da fila de espera para entrar na nova unidade das Casas Bahia. A dona de casa estava lá desde as 8h20, uma hora e dez minutos antes da inauguração da loja. “Vim porque sempre tem boas promoções em dias de abertura”, contou, entusiasmada. Ela relatou que foi aproveitar as ofertas para comprar uma televisão para ver a Copa do Mundo em alta definição. “Espero gastar uns R$ 2 mil”, ponderou. Para a sorte de Silvana, por conta da inauguração, a loja ofereceu televisores de 32 e 40 polegadas, custando R$ 999 e R$ 1.990 respectivamente. Outras promoções também foram lançadas. O preço de um micro-ondas, por exemplo, saía a R$ 199, enquanto uma lavadora de roupas de 8 kg custava R$ 899. 


Isabela Alves, da Folha de Pernambuco
Fonte Folha PE