POLICIAIS MILITARES E MANIFESTANTES ENTRAM EM CONFRONTO EM PASSEATA NO BAIRRO DO DERBY - Portal Abreu e Lima em Destaque

Notícias

Portal  Abreu e Lima em Destaque

O maior Portal de Notícias da cidade de Abreu e Lima-PE

test banner

Post Top Ad

test banner

Post Top Ad

test banner

domingo, 8 de setembro de 2013

POLICIAIS MILITARES E MANIFESTANTES ENTRAM EM CONFRONTO EM PASSEATA NO BAIRRO DO DERBY

Gás de pimenta, bombas de efeito moral e balas de borracha foram usados pela PM




O clima ficou tenso na avenida Agamenon Magalhães, na região do Derby, área central do Recife. Manifestantes e policiais militares entraram em confronto logo no início de um ato denominado Operação 7 de Setembro (OP7), que terminou com pelo menos 10 pessoas detidas, entre elas, um adolescente, na tarde deste sábado (07). Quatro delas - três homens e uma mulher - usavam máscaras e foram levadas pelos PMs no início dos conflitos. As outras duas foram encaminhadas à Delegacia de Santo Amaro por depredação a uma agência bancária no final da tarde. Um Termo Circunstancial de Ocorrência (TCO) por desacato e desobediência foi realizado.


Repórteres e fotógrafos da imprensa local foram hostilizados pelos policiais e um deles chegou a ser atingido por um cacetete no estômago. Por volta das 17h, o grupo se dispersou e o contingente do Batalhão de Choque, formado por aproximadamente 50 PMs, seguiu em diração ao Parque Amorim, onde uma agência do Banco do Brasil foi depredada e outras duas pessoas foram detidas.
    Os ativistas começaram a se concentrar na praça do Derby por volta das 14h e seguiram em passeata por volta das 16h, quando tentaram adentra da avenida Conde da Boa Vista, mas foram impedidos de avançar pela polícia. Ao longo do percurso, mais pessoas se uniram ao ato, que chegou a contar com 300 manifestantes.


    Gás de pimenta, bombas de efeito moral e balas de borracha foram usados pela polícia para conter a manifestação. Entre outros grupos, há membros das organizações Black Bloc e Anonymus, que atuam ao redor do País em ações similares neste feriado de 7 de Setembro. Entre os materiais apreendidos durante revista feita pela Polícia, estavam fogos de artifício. 
    Por 16h30, a via local da Agamenon Magalhães, sentido Olinda, foi fechada pelos policiais, que fizeram uma barreira para tentar impedir o avanço dos manifestantes. A avenida Conde da Boa Vista também teve um pequeno trecho interditado pelos agentes de segurança: da Rua Dom Bosco até o Derby.
    Organização
    A OP7 considera-se suprapartidária e defende políticas nacionais e locais. Para o Estado, o grupo reivindica passe livre e melhores condições para o transporte público. Nacionalmente, eles defendem a prisão dos condenados pelo Mensalão, além do fim do voto obrigatório, reforma tributária, aprovação da Lei de Combate à Corrupção, entre outros pontos.
     Via Folha PE

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Post Top Ad

    test banner