Éden Pedro é a voz da oposição



O vereador Éden Pedro (PDT) assumiu o papel da oposição, na Câmara Municipal, contra a gestão do prefeito Marcos José da Silva (PT). Eleito com mais de 1400 votos, Éden recebeu o apoio do ex-prefeito Jerônimo Gadelha (PSB), para conduzir a oposição no município de Abreu e Lima. Em entrevista à Folha Metropolitana, no último dia 30 de maio, ele disse que exercerá suas prerrogativas de vereador, que é de legislar e de fiscalizar os atos do Poder Executivo em todas as instâncias da gestão. “Farei oposição com responsabilidade e coerência, buscando a transparência e a honestidade com a aplicação do dinheiro público”, avisou Éden, acrescentando que discutirá, também, no plenário da Câmara, as políticas públicas e a receita orçamentária do município, o que se faz com o dinheiro e onde está sendo aplicado. “Fiscalizarei cada centavo. Se houver irregularidade ou desvio dos recursos, denunciarei ao Ministério Público”, sentenciou o vereador.
Com relação à atual gestão, o pedetista criticou “a tão badalada” captação de recursos federais. Mas indagou o que a Prefeitura tem feito com a arrecadação do município. “Onde estão sendo gastos quase nove milhões de reais. Onde estão as obras? Vou fiscalizar o que esse grupo está fazendo com o dinheiro. Já estou acionando o Ministério Público”, afirmou Éden Pedro, ressaltando, entretanto, que o prefeito Marcos José, embora seja inexperiente, é um homem bom e respeitoso. “Como gestor, ele está aprisionado ao ex-prefeito Flávio e à política velha e atrasada”, comentou ele, afirmando que outras pessoas interferem na Prefeitura. Ele citou o caso do vice-prefeito Josias Azevedo que empregou todo o seu grupo político.
Éden Pedro disse que a “influência sufocante” do ex-prefeito Flávio estaria prejudicando o governo do prefeito Marcos José. Segundo o vereador, a população espera que o pastor Marcos José assuma, de fato, o comando da Prefeitura de Abreu e Lima.
O vereador adiantou que a ex-candidata a prefeita, Cláudia Gadelha (PSB) está “viva” politicamente e vai participar do embate dos principais problemas do município. “Na função de oposição, ela vai acompanhar, de perto, os fatos e denunciar quando necessário”, garantiu Éden.
Fonte:http://folhametropolitana.com.br/category/abreu-e-lima/

2 comentários

Click here for comentários
sábado, 8 de junho de 2013 22:26:00 BRT ×

eu sabiha desa safadeza uplobema de voseis e dinheiro sao farinha do meismo saco

Reply
avatar
Anônimo
admin
quarta-feira, 12 de junho de 2013 09:14:00 BRT ×

A gestão do atual prefeito tem que ser fiscalizada e ser transparente, mas vereador, receber apoio de ladrão ficha suja. Será oposição ou conchavo político para prejudicar a atual gestão que diga-se de passagem, está uma droga? Será oposição ou já preparação de terreno para voltar a Abreu e Lima, quem mais sugou o dinheiro dessa cidade? Abaixo aos gadelhas! Cuidado Abreu e Lima!

Reply
avatar