As comemorações pelos 31 anos de Abreu e Lima serão inesquecíveis

Para quem não pode participar de toda a programação preparada pela Prefeitura de Abreu e Lima em comemoração pelos 31 anos de emancipação política do município seguem fotos que devem ficar para a história. Todas as atividades e ações voltadas para a população foram possíveis graças à união de muitas secretarias municipais.
O aniversário da cidade é dia 14 de maio, mas desde o dia 10 o clima de festa tomou conta das praças e ruas. No Dia Municipal da Ciranda atrações botaram tudo mundo para dançar o ritmo na Praça São José. Se apresentaram o Grupo Kamisa de Xita e o Grupo Cultural Maria Vicência, para celebrar a memória do Rei da Ciranda, Antônio Baracho da Silva. Nascido em Nazaré da Mata, Agreste do Estado, Baracho passou grande parte de sua vida em Abreu e Lima.

Na manhã do dia seguinte (11/05) uma programação voltada para quem tem espírito de aventura. O 1º. Pedala Abreu e Lima, passeio que explorou as belezas naturais da cidade, foi um sucesso, atraindo ciclistas de todos os cantos e até de cidades próximas como Olinda.

No mesmo dia, à noite, com apoio da Secretaria de Turismo e Cultura aconteceu o Abreu Reggae Hoots que agradou o público alternativo da cidade com apresentação das bandas Aortaliça, Mandala, Raízes Curumim e DJ Mas, na Praça da Bandeira.
No domingo, dia 12, um grande torneio de futebol foi realizado com apoio da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer, no Campo Beira Rio, em Caetés III, com a participação de 10 equipes.

A segunda, dia 13, a Praça São José foi tomada de alunos das redes municipal, estadual e até da rede particular, que interagiram no Projeto Viva Abreu e Lima! Resgatando a Nossa História, realizado pela Secretaria de Educação. Com apoio de professores e gestores estudantes mostraram o que sabem sobre a cidade. Foi um evento de sucesso que deve se repetido todos os anos. Uma grande oportunidade para moradores e visitantes conhecer um pouco da história de Abreu e Lima. Muitos que fizeram parte desta história foram homenageados pela administração municipal.
A noite foi de festa. Na Praça Antônio Vitalino, centenas de pessoas se divertiram ao som de Denis Luna, artista da terra, e das bandas Forró Pegado e Só na Morosidade. Nem a chuva forte que caiu espantou quem queria dançar e se confraternizar com familiares e amigos.

No dia do aniversário da cidade, 14 de maio, Abreu e Lima acordou mais cedo com fogos de artifícios. Em seguida, na Praça São José, aconteceu hasteamento das bandeiras e execução dos hinos oficiais, ao som da Banda Marcial Vânia Araújo (Polivalente), e o corte de um delicioso bolo enfeitado com fotos da cidade. Na ocasião o prefeito Marcos José da Silva aproveitou para parabenizar não Sá a cidade, mas, cada morador que de alguma forma contribuiu para o engrandecimento de Abreu e Lima.

No mesmo dia a população contou com grande mutirão realizado pelas secretarias municipais de Trabalho e Ação Social e de Saúde, que juntas ofereceram atendimento jurídico e médico. Foi possível solicitar documentos como RG, CTPS, Livre Acesso. Aferir a pressão arterial, fazer teste de glicose e citologia e ainda cortar o cabelo. Tudo em um só lugar. As crianças ainda se divertiram nos brinquedos e se deliciaram com guloseimas.

O abreuelimense ainda mostrou que é solidário doando sangue para o Hemope que se instalou na Casa Paroquial da Matriz de São José. E quem doou ganhou uma das 400 mudas de plantas doadas pela Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente. À noite para encerrar as comemorações uma missa foi celebrada em Ação de Graças, na Matriz de São José. No sábado, 11, um culto com mesma intenção foi realizado na Igreja Assembléia de Deus (Convenção Recife).

Fonte:https://www.facebook.com/prefeituraabreuelima?fref=ts