Cadeirante e adolescente são autuados em flagante com 100 gramas de crack

Um deficiente físico foi preso e um adolescente apreendido em flagrantes no início da tarde desta quarta-feira (05) com 100 gramas de crack. A dupla é natural de Goiana, na Mata Norte de Pernambuco, e teria vindo buscar a droga para revender aos traficantes da cidade. Eles foram interceptados ao passar pelo Hospital de Abreu e Lima em um táxi. Com a quantia capturada, seria possível produzir 300 pedras de crack, o entorpecente renderia aproximadamente R$ 3 mil aos suspeitos.

De acordo com o delegado responsável pela autuação, Albéres Felix, da Delegacia de Abreu e Lima, o cadeirante é César Pereira do Nascimento, de 21 anos, que é paraplégico. "Ele sofreu um acidente de carro e agora vive na cadeira de rodas. Eles compraram a droga de um traficante que ninguém sabe quem é e venderiam para alguém que a gente também não sabe, mas vamos descobrir", salientou o delegado. O adolescente apreendido tem 17 anos.

Após a atuação, o menor infrator foi encaminhado para a Unidade de Atendimento Inicial (Uniai) da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase). César Pereira foi levado ao Centro de Observação Criminológica e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), em Abreu e Lima.
Fonte: Diário de Pernambuco